As fotos deste Blog são de mérito de quem as tirou. O crédito mencionado a cada foto é de quem possui cópias ou até mesmo as originais.

15 novembro 2015

Museu Mariano Procópio, pedalinho, em outubro de 1969 (foto autoria de Roberto Dornellas).

 
 
Lembram quando esse lago foi esvaziado? Segundo um conhecido meu, que acompanhou a obra, foi encontrado grande quantidade de objetos de raríssimos valores históricos. Centenas de garrafas, moedas, armas, facas, canivetes e objetos pessoais variados que eram jogados no lago ou até mesmo caiam por acidente. Perguntei onde estariam esses objetos, ele respondeu: O fulano de tal falou que todos os entulhos encontrados no fundo do lago foram removidos e colocados em caminhões e jogados no aterro sanitário. Será?

2 comentários:

  1. Conheço outra versão dessa história: todos os objetos que foram encontrados foram recolhidos e "doados" a colecionadores aqui de Juiz de Fora e de outras localidades.

    ResponderExcluir
  2. Para dirimir dúvidas, o melhor a fazer é descobrir quem foi o responsável (o chefe geral) pela obra e saber dele o que de fato aconteceu. Através de fotos de jornais e outras informações pessoais poderemos chegar lá. Alguém tem alguma informação (data/nome da empreiteira que executou a obra/outros nomes ligados ao fato) para começarmos a apuração real dessa história? Emanuel

    ResponderExcluir